pesquisa e divulgação de formação em massagem e trabalho corporal na gravidez, parto e puerpério, para profissionais que buscam o acompanhamento integrado e holístico.

sobre formadora

"Não existe só as pedras, as plantas, os animais, os humanos e os anjos.
Há também relações, tensão e sentido que é onde esse meu tu existe. É disso que o mundo é feito, feito de vários mundos e de encontros de figuras"
 (Maria Gabriela Llansol)

    Acredito que nascer é uma grande dança, e viver é puro movimento.
Dançar, para mim, é a possibilidade do fazer e/ou não fazer acontecendo, dançarfluir, dança-contemplar...
Dança, chegou primeiro, pulsa, e é uma voz que grita, uiva e sussurra em movimento para existir. E Contato, tão urgente, vem clareando de-vagar na consciência..., mostrando que também está aqui desde o principio, e é assim, fundamental. Sigo buscando, espaço de comunicação-orgânica em tudo que faço... e vamos aprendendo a estar cada vez mais a vontade, íntimos, eu, o Contato e a Dança-Movimento. 


    Dentre alguns dos encontros especiais que moldaram meu destino e vocação está o livro Aprenda a Nascer e e a Viver com Índios - Parto de Cócoras, desempenho sexual e ginástica indígena, do Dr. Moyses Paciornik. Ganhei aos quatorze anos de uma querida mulherinspiração. Foi revelador para meu corpo e despertou esta Adoração pelo fenómeno Mulher/Gravidez que hoje eu pratico e me dedico. Juntaram-se então muitas outras inspirações... 
Satori-Encontros com o Yoga, a dança-meditação-massagem da Tailândia e as experiências de conviver com as mulheres de diversos mundos e lugares, viver o Oriente, conhecer a Floresta, estar São Paulo e também estar a viver em Portugal. 
    Ser cuidada, acalentada, colocada no colo.
Oferecer, abraçar. 
Tocar mulheres parindo/paridas. ... e sim, certamente, Conceber amorosamente, Parir naturalmente e Amamentar visceralmente minha primeira filha, nascida em janeiro 2006, a minha grande professora na Arte de Maternar . A herança de minha mãe e o fabuloso encontro com minha competente e amorosa parteira e outras tantas queridas parteiras, empoderadoras de mulheres. O privilégio de ser doula ao seu lado e o de acompanhar centenas de mulheres, que vão passando pelas minhas mãos nestes tempos e espaços que habito...


    Com bons amigos sou co-criadora da Associação Ecologia Feminina e da Escola de Massagem Meditativa Thai Brasil, coletivos que sustentam, fundamentalmente, ações de humanização da saúde e educação em valores humanos. Com enorme prazer criamos e participamos de belos projetos de expansão e vimos aflorar muitas curas com o Projeto Divinas Mães, Orienthai, I e II Festival Internacional de Massagem Thai, e muitos mais encontros... e outros tantos que estão para chegar!

    Sou professora e Terapeuta Corporal, dedicada a Medicina Tradicional Tailandesa, formação que iniciei no Sudeste Asiático (com mestres e escolas) na soma Vipassana, Massagem Thai, Thai Yoga, Reflexologia, Massagem Taoísta, Tantra, Aromaterapia e Herbologia, Massagem e Práticas  Ayurvédica. Em seguida e meio tudo junto veio o Kundalini Yoga, que foi, inclusive findamental na minha primeira gestação. Iniciei a formação e adoro Watsu, Tantsu e dançar acompanhada na densidade da água, a brincar com a gravidade, embora meu lugar fértil é o chão duro, talvez por isso nunca me dediquei a atender na água. Floor Work e Release Technique é intrigante-investigação para mim, meu corpo e minha dança.
A Massagem (e Yoga) para Gestação, Parto e Pós Parto está presente desde o inicio da minha atividade profissonal, começando curiosa e exploradora, estudando vorazmente e finalmente apresentando-se nestas formações que ofereço . Sou Doula autodidata e Conselheira em Aleitamento Materno pela OMS/UNICEF. Formadora de profissionais em Massagem para Gravidez desde 2006 e Massagem Thai Yoga desde 2001 no Brasil e a partir de 2008 também em Portugal.

    Bailarina de formação e pesquisadora de Danças Sagradas e Práticas Corporais no Feminino em experiências intuitivas e práticas assistidas por queridos mestres no Oriente e Ocidente (Tantra, Tao, Xamanismos, Paganismos). Ocasionalmente promovo aulas e workshops de dança com abordagem terapêutica, fisiologia do movimento, presença do sagrado. Espero logo promover com mais assiduidade!


    Atualmente estou desenhando e criando formas novas de dizer o velho, de fazer a ponte entre a sabedoria da experiência, o conhecimento ancestral e o modo de vida contemporâneo, e viver cada dia em harmonia com o que acre-dito.


    Recentemente (2011/2012) cursei o programa de formação e investigação artística do c-e-m, centro em movimento, em Lisboa. Ando a procura do corpo-intérprete que de-forme em performance, para celebrar a natureza terapêutica, ritual, artística e ativista em um mesmo estado/presença. 

    Estudo e pratico Geometrias Sagradas em Cristais e relembro do contato com minerais e gemas, como ferramentas eficazes e preciosas de Cura. Estou também a gerar com amor novas diretrizes para Associação Ecologia Feminina e outros organismos que estou ligada. E servindo de receptáculo para uma nova vida dentro do meu ventre, pari mais um flor no verão de 2013!
   Mais um lindo momento-celebração da vida em que meu corpo fluiu com as águas da vida e pelo meu corpo-portal um belo ser nasceu e ainda está cá amamentando e eu quem sou a nutrida por este encontro...
Sou aprendiz de parteira, gosto de tradições, de beber da fonte primeira, de estar em círculos, promover encontros, saber momentos, aceitar convites! Este ano de 2014, além de muitos desafios, tive o prazer de estar com as as senhoras Barbara Harper - Waterbirth em Guardiãs do Parto Gentil e Kathy Jones - Priestess of Avalon, em Jardim das Hespérides, forças anciãs do amor a Grande Mãe, aqui em passagem por Portugal e parir o meu primeiro curso a distância, repleto de boas vindas!


  E ainda assim sou menina, curiosa de vida e iniciar caminhos; mulher selvagem de instintos; mãe que aprende enquanto ensina. Amiga, parceira, doula, cuidadora, irmã. Ser dançante, cantadeira. Por aqui e por ali...

    Jay Ma!

Nenhum comentário:

Postar um comentário